Você está aqui: Home » Nadador » Parafina nas placas de toque

Parafina nas placas de toque

A CBDA emitiu um boletim solicitando que as Federações preservem as placas de toque doadas por ela, compradas pela Lei de Incentivo ao Esporte do Governo Federal, evitando que os atletas coloquem parafina nelas. O boletim completo você pode ler clicando abaixo:

http://www.cbda.org.br/boletins/boletim-nº-06712

A pena em caso do árbitro “pegar” o “infrator” é dura: ele é desclassificado da competição e ainda será julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva da CBDA.

Já ocorreu um caso recente com a parafina, durante os Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, no México, em 2011. Fabíola Molina foi ameaçada de ser desclassificada dos Jogos por estar passando vaselina nas placas de toque, o que lhe daria mais aderência nos pés e, consequentemente, daria uma melhor saída de costas.

O caso foi noticiado no Blog do Coach, e o resultado foi a troca da placa com parafina e uma advertência à atleta:

http://sportv.globo.com/platb/blogdocoach/2011/10/17/canada-protestou-e-quase-fabiola-foi-desclassificada/

Fica a dica: evite usar qualquer artifício que “ajude” você (o doping inclui-se aqui). Além de ser um ato ilegal e injusto, quanto menos você espera seu adversário ou até mesmo companheiro de equipe poderá noticiar o fato ao árbitro geral e você acabará perdendo tudo na competição.

Árbitro de Natação

Olá, eu sou o árbitro de natação e adoro discutir sobre regras de natação. Leia, releia, discuta e conheça as regras que movimentam o nosso esporte.

http://www.regrasdenatacao.com.br/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *